Comunicação

Notícias

  • ASSERPE passa por mudanças na política comercial e institucional

    14/09/2020 - ASSERPE
    Medidas foram tomadas depois de meses de planejamento da Diretoria

    Após reuniões de planejamento que envolveram a Diretoria, a ASSERPE está no processo de conclusão de mudanças no seu processo de representação comercial e institucional.

    As mudanças começaram a ser discutidas no dia 12 de março do corrente ano, na sede da Associação, para formatação conjunta de uma proposta de maior eficiência comercial e institucional pensando no futuro da entidade.

    Estiveram no grupo de trabalho , além do presidente da entidade, Nill Júnior, os Diretores Cleo Nicéas (Vice-Presidente de Rádio), Tony Pereira (Vice-Presidente Administrativo e Financeiro), Júnior Almeida (Vice-Presidente do Agreste), Ana Amélia Lemos (Vice-presidente Sertão), Ivan Feitosa (Diretor Secretário), Paulo de Andrade Filho, Douglas Miranda e Marco Aurélio pelo Conselho Fiscal e o advogado Edmilson Boaviagem, Assessor Jurídico e Presidente do Sertepe.

    Na reunião foram decididos como encaminhamentos: novo modelo de representação comercial com a Asserpe realizando convênio com o Escritório de Mídia; enxugamento administrativo e maior papel institucional da ASSERPE; redução de custo operacional da entidade.

    Uma segunda reunião aconteceu em 19 de março com um número de Diretores delegados pela Diretoria, com o próprio Presidente mais Tony Pereira (Vice-Presidente Administrativo e Financeiro), Ivan Feitosa (Diretor Secretário) e Edmilson Boaviagem.

    Os encaminhamentos às decisões tomadas tiveram maior celeridade após a pandemia de Covid-19, com forte impacto no mercado e no modelo gerencial da ASSERPE.

    Dia 3 de setembro, foram confirmados os seguintes encaminhamentos:

    Formalização de convênio por três anos podendo ser renovado por iguais períodos com o Escritório de Mídia para representação comercial exclusiva da ASSERPE;

    Caberá ao escritório de Mídia promover agenciamentos de publicidade em favor das emissoras de Rádio e Televisão afiliadas da CONTRATANTE, de conformidade com a Tabela de Preços autorizada pela CONTRATANTE; A Contratada será remunerada por comissão calculada sobre os valores dos espaços publicitários cuja veiculação administrar ou sobre os valores das vendas daqueles espaços que intermediar, observando tabela baseada em valores de mercado;

    O poder legal de representação das associadas continua com a ASSERPE por questões estatutárias e de legitimidade. O que muda, objetivamente, é que a ASSERPE amplia para 100% o convênio autorizando o Escritório de Mídia como seu representante legal. O Escritório de Mídia e a ASSERPE também manterão consultoria para melhoria do Departamento Comercial das Rádios Associadas, ajuste de tabela comercial local, aproveitamento de redes sociais para pacotes cross media, dentre outros;

    Enxugamento do quadro funcional: com essa medida de convênio para representação, houve redução do quadro funcional. Também redução de custos com internet, telefone, custos operacionais e outros. Internamente a Associação agradeceu a todas as colaboradoras que foram desligadas pelo empenho e doação à Associação, desejando-lhes sucesso.

    Novo espaço: como a Associação a princípio contará com menor corpo funcional e menor necessidade de ocupação de espaço físico, foi comunicado que o imóvel da Rua Leopoldo Lins será desocupado, com a ASSERPE passando a ocupar sala comercial no Empresarial Pedro Martiniano Lins, na Avenida Montevideu, 172, paralela com a Avenida Agamenon Magalhães (foto).

    Para aquisição dos móveis planejados no novo espaço, a ASSERPE irá vender os móveis em variados estados de conservação adquiridos para a sede da Leopoldo Lins. Foi feita consultoria com profissional especializado que avaliou o patrimônio com aval da Diretoria. Esses móveis serão oferecidos inicialmente AOS ASSOCIADOS, em três ofertas. Caso não haja venda de todos os itens, os que restarem serão oferecidos para revendas do gênero. Alguns poucos, pelo estado de conservação, serão doados a instituições carentes do Recife.

    Destacando que ASSERPE e SERTEPE são “irmãos siameses”, o Presidente informou afirmando que como são duas salas conjugadas, uma será locada pela ASSERPE e outra pelo SERTEPE, que também migrará para o espaço. Assim serão ocupadas pelas duas entidades as salas 907 e 908.

    “Todas essas mudanças só terão efetivo resultado com o engajamento de todos os associados, defendendo a política comercial da entidade, fortalecendo nosso meio e ampliando o engajamento junto às ações institucionais da ASSERPE”, disse o Presidente da entidade ao final.

    Veja comunicado em vídeo do Presidente da entidade:

    Acesse: https://youtu.be/IPttLKY1LQo

Veja Mais: http://zaite.com.br/

Outras Notícias

OAB-PE e Asserpe fecham...

Rádios são orientadas sobre...

Morre ex-radialista da...

O Rádio nasceu em Pernambuco!

Reunião virtual da ASSERPE...

Presidente da ASSERPE...

ABERT lança vídeo...

Vedações na programação de...

Naza FM comemora 32 anos

Salgueiro FM anuncia...

Voz do Brasil: emissoras...

Rádio Asa Branca de Salgueiro...