Comunicação

Notícias

  • ASSERPE subscreve carta aberta em defesa do chip FM nos celulares

    22/01/2021 - ASSERPE
    Entidade está em sintonia com ABERT para que Ministério das Comunicações edite portaria definindo implementação urgente dessa política pública

    A ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE EMISSORAS DE RÁDIO E TELEVISÃO (ABERT), a ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE RÁDIO E TELEVISÃO (ABRATEL) e as ASSOCIAÇÕES ESTADUAIS DAS EMISSORAS DE RADIODIFUSÃO, abaixo identificadas, manifestam irrestrito apoio à política pública, anunciada pelo Ministério das Comunicações, de inclusão da funcionalidade de recepção das transmissões de rádio FM em todos os aparelhos celulares fabricados no Brasil.

    A ASSERPE, Associação das Empresas de Radiodifusão de Pernambuco, subscreve o documento e esteve representada pelo presidente da entidade, Nill Júnior, do encontro em Brasília com o Ministro Fábio Faria, que reforçou a demanda da radiodifusão brasileira.

    Em recente evento promovido pela Tribuna de Comunicação e Fecomércio, em Natal (RN), sobre “Segurança Jurídica na Retomada do Desenvolvimento Econômico”, o ministro das Comunicações, Fábio Faria, informou que está trabalhando para viabilizar a recepção do rádio FM nos aparelhos celulares de forma livre e gratuita, sem a necessidade de utilização de wifi ou plano de dados.

    A recepção livre, aberta e gratuita dos sinais do rádio FM nos aparelhos celulares é uma medida que beneficia a sociedade, garantindo o acesso à informação, especialmente em casos de utilidade pública, além de importante fonte de cultura e lazer.

    Estudos demonstram que grande parte dos telefones celulares já possui as condições técnicas para o recebimento dos sinais do rádio FM, bastando apenas a ativação de fábrica desta funcionalidade no aparelho, o que permitirá que milhões de brasileiros ouçam gratuitamente, sem o consumo do pacote de dados, a programação do rádio.

    A ABERT, a ABRATEL e as ASSOCIAÇÕES ESTADUAIS DE RADIODIFUSÃO, inclusive a ASSERPE, reiteram o apoio incondicional à implementação urgente desta política pública, o que equiparará o Brasil a outros países de vanguarda.

Outras Notícias

MCom suspende prazos de...

Voz do Brasil: publicado...

Nota oficial: invasão à rádio...

Pernambuco celebra o primeiro...

Max Martinhão anuncia...

Brasil registrou 150...

ASSERPE lamenta o falecimento...

ABERT lançará relatório sobre...

Cidade FM Caruaru aposta em...

Recife FM comemora 40 anos

ASSERPE lamenta falecimento...

ABERT emite nota de pesar por...